No M’Boi, passageiros reclamam de mudanças em linhas que ligam ao metrô

Publicado em Categorias M'Boi Mirim, MobilidadeTags ,

Mudança em linhas de ônibus causa transtornos para a população.

Crédito: Laiza Lopes

Desde o dia 8 de julho, os moradores do M’Boi Mirim, na zona sul, enfrentam mais um obstáculo para chegar até o metrô. A antiga linha 675Z/10 Jd. Guarujá – Metrô Jabaquara foi substituída pela 7017/10 Jd. Guarujá – Terminal Guarapiranga. Com isso, os usuários precisam parar no Terminal Guarapiranga e depois embarcar na linha 707K/10 para chegar até a estação mais próxima do metrô e seguir viagem. A linha 675Z/10 transportava uma média de 12 mil pessoas em dia útil.

“Na prática está cada vez mais difícil chegar ao metrô, tendo que pegar mais ônibus por trajeto. Agora quem vai para o Jabaquara precisa utilizar dois ônibus”, conta Monica Czeszak, 26. A moradora do bairro Parque Figueira Grande relata que houve outra mudança no começo do ano e que afetou uma linha que tinha como destino a estação Ana Rosa.

Moradora do Jardim Guarujá há 25 anos, Celma Silva, 55, usava a linha 675Z/10 para ir ao médico e também não está satisfeita com a mudança. “Ter que enfrentar terminal acaba com a gente. A população precisa se mobilizar para fazer um abaixo-assinado e mudar essa situação”, afirma. A dona de casa ainda ressalta a ineficiência da linha 6823/10 Jd. Guarujá – Term. Capelinha. “Demora cerca de 30 minutos para passar”, finaliza.

Além dessa substituição, ocorreram outras na região. A linha 675V-10 Term. Capelinha – Metrô Jabaquara agora é atendida pelas linhas 6007-10 Term. Capelinha – Term. Santo Amaro e 707K-10 Term. Guarapiranga – Metrô Jabaquara. Segundo comunicado da SPTrans, a linha 6007-10 terá ampliação de atendimento via Corredor M´Boi Mirim.

Linha 7017/10 Jd. Guarujá – Terminal Guarapiranga começou a operar no dia 8 de julho

A SPTrans ainda informa que a mudança na linha 675Z/10 Jd. Guarujá – Metrô Jabaquara faz parte de uma medida operacional que envolverá quatro linhas e tem como objetivo melhorar a fluidez do transporte público, reduzir a sobreposição de linhas e aumentar a oferta de lugares na região. A alteração não acarretará em acréscimo no tempo de viagem, que hoje leva cerca de 1h20.

Ao ser questionada sobre o trabalho integrado com a SPTrans para a assertividade das mudanças em linhas de ônibus, a Prefeitura Regional do M’Boi Mirim afirma que trabalha em conjunto com a companhia somente encaminhando as sugestões e solicitações apresentadas pelos munícipes na regional através de ofícios ou solicitações feitas pelo serviço 156.

De acordo com a SPTrans, para os usuários que saem do Jd. Guarujá sentido Metrô Jabaquara, a operação da linha 707K-10 Term. Guarapiranga – Metrô Jabaquara funcionará de 5 minutos no pico da manhã e 6 minutos no período da tarde em dias úteis. Aos sábados, há um aumento de intervalo, sendo 8 minutos para o pico da manhã e 6 no da tarde. Já aos domingos, o tempo de espera sobe para 10 minutos.

Uma avaliação do serviço público de ônibus em São Paulo feita no ano passado pelo Ibope e pela Rede Nossa São Paulo, apontou que o tempo de espera em pontos de ônibus e terminais é um dos itens mais mal avaliados pela população, alcançando a média de 4,1 em uma escala de 0 a 10.

 

Fotos: Laiza Lopes