Casarão de 1.000 m² vira ‘museu interativo’ no Alto da Lapa

Publicado em Categorias Cultura, LapaTags ,

Modern Museum foi inaugurado em novembro de 2017 com exposição de fotos antigas e documentos dos loteamentos que deram origem ao bairro

Exposição “Mostra Alto da Lapa” (Divulgação)

Um casarão de 1.000 m2 abriga o mais novo espaço cultural do Alto da Lapa, na zona oeste de São Paulo. Situado na avenida Mercedes, 805, o Modern Museum foi inaugurado em novembro de 2017 com uma exposição sobre o bairro. A ideia é que o local receba mostras temporárias, utilizando tecnologia e interatividade para atrair o público.

Dirigido pelo engenheiro e publicitário Ricardo Modern, 61, o espaço multicultural ocupa o imóvel que já abrigou um condomínio de cinco empresas, sendo uma delas a Modern Marketing, experiente no ramo de produção de eventos e propriedade de Ricardo há mais de dez anos. Há três, o empresário resolveu deixar Aldeia da Serra, no município de Barueri, para viver no casarão.

“O Modern Museum é um ótimo exemplo de lugar onde se se compartilha cultura, é comercial e residencial ao mesmo tempo. É possível ter tudo isso em um mesmo espaço. Evidentemente respeitando os princípios do bairro, de vizinhança”, salienta”.

A primeira exposição do Modern Museum foi “Mostra Alto da Lapa – Uma História que Virou Referência” e contou com fotos antigas, documentos dos loteamentos que deram origem ao bairro. Segundo Ricardo, o tema escolhido foi proposital. Ele queria homenagear o lugar que “acolheu” ele e a sua empresa.

LEIA MAIS: Barra Funda leva o ‘Oscar’ em número de cinemas

“Ficamos impressionados com a riqueza cultural e histórica do Alto da Lapa. Descobrimos, por exemplo, que tudo aqui era um morro sem árvores e que muito tempo depois foi feito um florestamento pela Cia City.

Pertencente ao distrito da Lapa, o Alto da Lapa nasceu por meio da concepção do arquiteto inglês Barry Parker, que desenvolvia projetos urbanísticos com ruas de traçados sinuosos, muitas praças e arborização abundante. Em 1921 teve início a construção do bairro junto com o da Bela Aliança em um terreno de cerca de 1.342.930 m2.

As obras duraram oito anos e o seu objetivo era atrair os operários para morar no local, mas não foi o que aconteceu. Quem se interessou pela região foram os imigrantes bem-sucedidos financeiramente. A empresa loteadora foi a Cia. City e até hoje o Alto da Lapa apresenta características de bairro-jardim, além de ser tombado.

A “Mostra Alto da Lapa – Uma História que Virou Referência” ficou montada por dez dias e contou com o patrocínio da Cia. City e da seguradora Porto Seguro. Além disso, teve a curadoria do historiador José Carlos de Lima. Cerca de 1.000 pessoas a visitaram, sendo 150 só na primeira noite, segundo o diretor do espaço. A partir do segundo dia, as visitas eram agendadas.

MARCO DA PAZ

Ricardo Modern, empresário do ramo de produção de eventos e o responsável pelo Modern Museum (Rafael Carneiro)

Ricardo Modern já está planejando para março a próxima exposição do Modern Museum, que terá como tema o Marco da Paz. O monumento, presente em três pontos da capital paulista, sendo um deles o Alto da Lapa, é um projeto idealizado em 1999 pelo italiano Gaetano Brancati Luigi e que se espalhou pelo mundo. A ideia de um monumento celebrando a paz dos povos surgiu em 1945, quando Luigi tinha oito anos de idade e ouviu os sinos da cidadezinha onde morava tocarem, anunciando a paz e o fim da II Guerra Mundial.

VEJA TAMBÉM: ‘Tudo infelizmente foi feito para afastar a periferia’, diz cineasta

“Além do que será exposto aqui na casa, queremos fazer uma reinauguração desse marco – situado no cruzamento da avenida Mercedes com a Brigadeiro Gavião Peixoto – e trabalhar uma iluminação cenográfica forte. O intuito é despertar a curiosidade e queremos difundir o conceito do Marco da Paz também. O projeto já está pronto e estamos em busca de patrocínio”, afirma Ricardo.

ESPAÇOS CULTURAIS

O distrito da Lapa, pertencente à prefeitura regional de mesmo nome, é um dos que mais possuem espaços culturais por habitante (0,44), de acordo com dados mais recentes do Mapa da Desigualdade 2017. O distrito mais bem colocado é o da Sé, na região central, com 3,14. Em números absolutos, a Lapa possuía três equipamentos há dois anos.

SERVIÇO

Modern Museum
Avenida Mercedes, 805 – Alto da Lapa
De segunda a sexta-feira, das 10h às 18h
Visitação agendada pelo telefone: (11) 3791-8755

***

Cheio de histórias, distrito da Lapa une tradição, desenvolvimento e desafios