a
a
HomeTemasHabitação
Arquivo

Moradores e lideranças de Paraisópolis, a segunda maior favela de São Paulo, na zona sul da capital, têm usado o principal slogan do programa da gestão João Doria (PSDB) para pedir por uma

Podar, cortar árvores, tapar buracos e limpar bueiros são verbos recorrentes no dia a dia de um prefeito regional. Essas funções são novas para a psicóloga Maria de Fátima Fernandes, 62, que trocou

Caçula entre as prefeituras regionais, Sapopemba, na zona leste da capital, passou a ser administrada desde janeiro pelo contador de carreira, Benedito Pereira, 53, mais conhecido como Benê. Advogado e historiador, ele afirma

Loteamentos, ocupações e uma extenso cinturão verde são alguns aspectos que circundam São Mateus, uma das prefeituras regionais mais populosas da zona leste da capital. Com 426 mil moradores, os distritos de São

Militante do PSDB desde 1989, Júlio Carreiro, 51, se viu diante de um grande desafio quando foi convidado pelo prefeito João Doria, que é do mesmo partido, para comandar a Prefeitura Regional de

Casas de palafitas são mostradas na tela larga do celular: dezenas de barracos erguidos sobre o Córrego do Bispo, no Jardim Peri, no extremo do distrito da Cachoeirinha, na zona norte da capital.

“Quando se elegeu, o prefeito João Doria (PSDB) fez uma reunião conosco para que, em princípio, focássemos todo nosso empenho e trabalho na zeladoria da cidade”, afirma Rosmary Correa, nova prefeita regional de Santana/Tucuruvi.

A dona de casa Neuza Rossi, 67, nunca tinha participado de uma audiência pública. Por ser frequentadora assídua do Teatro Flávio Império, no Cangaíba, que fica a poucos metros de onde mora, compareceu

/