Subprefeitura de Ermelino Matarazzo faz pesquisa sobre expansão de comércio​

10/01/2020 16:57 | Atualizado: 22/01/2020 10:22
Reportar erro Categorias Cultura, Ermelino Matarazzo, Temas, Zona LesteTags

Em publicação via rede social, administração pergunta quais novos locais poderiam ser abertos na região; população cobra serviços básicos​

O que você gostaria para o seu bairro? A subprefeitura de Ermelino Matarazzo, no extremo leste da capital paulista, fez essa pergunta aos moradores via Facebook. A publicação sugeriu à população quais poderiam ser as opções de novas lojas e locais para comer, mas os moradores foram para além dos estabelecimentos e apontaram serviços prioritários na região.

O post feito no último dia 4 teve mais de 150 comentários. Nele, os ermelinenses solicitam demandas como: melhorar a manutenção de ruas e praças, ter mais acesso à cultura e esporte, além de assegurar também oportunidades de emprego e segurança.

LEIA MAIS
Gratuidade é o que mais atrai o paulistano para eventos culturais em SP

A moradora Cláudia Riveiro lamenta, por exemplo, a falta de espaços culturais. “Acredito que através da cultura, educação e esportes os jovens podem se envolver menos com o crime e assim reduzir a violência”, escreveu na rede social. 

De acordo com o Mapa da Desigualdade, realizado pela Rede Nossa São Paulo, Ermelino Matarazzo é um entre os 23 distritos dos 96 da  capital paulista que não contam com equipamentos culturais.

Quando o assunto é esporte, a pesquisa indica que Ermelino Matarazzo tem cinco equipamentos esportivos públicos, o que equivale a uma média de 0,42 a cada 10 mil habitantes. O índice é dez vezes menor do que o de Pari, onde há o maior número de locais públicos para a prática esportiva.

Para a moradora Elizabeth Moreira, a subprefeitura deveria priorizar o saneamento básico  antes de pensar em expandir o comércio. “Moramos na beira de um córrego que poderia ser feito canalizado. Vivemos no meio de infestação de ratos e insetos”, propôs.

De acordo com assessoria da subprefeitura de Ermelino Matarazzo, todas as demandas estão sendo avaliadas e, as mais relevantes, serão encaminhadas diretamente ao subprefeito Flávio Ricardo Sol. 

A pesquisa com moradores foi realizada somente pelo Facebook e os dados obtidos a partir das respostas não estão sendo tabulados.

Ermelino Matarazzo, uma das muitas quebradas da zona leste da cidade