PLOA: definidas as audiências públicas devolutivas do orçamento de 2021

04/12/2020 13:12
Reportar erro Categorias + Notícias, Participação SocialTags ,

Audiências serão divididas por grupos de subprefeituras e realizadas de forma online; confira as datas

(Magno Borges/32xSP)

Foram definidas entre os dias 7 e 18 de dezembro as audiências públicas para devolutivas do PLOA (Projeto de Lei Orçamentária Anual) 2021. Elas serão realizadas de forma online e marcam a última etapa do ciclo de participação social no orçamento do próximo ano.

Ao todo, serão 10 audiências públicas, divididas entre as 32 subprefeituras. Cada audiência reunirá de duas a quatro subprefeituras. Confira as datas:

7 de dezembro
Lapa
Pinheiros

8 de dezembro
Casa Verde/Cachoeirinha
Freguesia/Brasilândia
Perus
Pirituba/Jaraguá

9 de dezembro
Jaçanã/Tremembé
Santana/Tucuruvi
Vila Maria/Vila Guilherme

10 de dezembro
Capela do Socorro
Parelheiros

11 de dezembro
Cidade Ademar
Santo Amaro

14 de dezembro
Ipiranga
Jabaquara
Vila Mariana

15 de dezembro
Butantã
Campo Limpo
M’Boi Mirim

16 de dezembro
Ermelino Matarazzo
Guaianases
Itaim Paulista
São Miguel Paulista

17 de dezembro
Aricanduva/Formosa/Carrão
Mooca
Penha
Vila Prudente

18 de dezembro
Cidade Tiradentes
Itaquera
São Mateus
Sapopemba

O horário será das 19h às 22h por meio da plataforma e-Democracia.

15 PROPOSTAS NÃO FORAM AVALIADAS

Ao todo, o processo de participação da sociedade civil no PLOA 2021 recebeu 3.519 propostas. Dessas, 163 foram eleitas por voto popular para entrarem no orçamento municipal do próximo ano.

Entre os dias 25 de julho e 24 de agosto, ocorreu a análise de viabilidade técnica, jurídica e orçamentária das demandas pelo corpo técnico da Prefeitura de São Paulo. Contudo, das 163 propostas, 15 delas não foram avaliadas pelas secretarias responsáveis.

Segundo a Prefeitura, as propostas foram “redirecionadas internamente a outros órgãos componentes da estrutura municipal, os quais foram devidamente alertados sobre o prazo de devolução, porém não houve resposta em tempo hábil para integração ao Projeto de Lei Orçamentária Anual 2021”.

LEIA MAIS: 15 propostas da população não foram avaliadas pelas secretarias responsáveis