Prefeito regional quer transformar Parelheiros em um grande polo de turismo

Biskamp acredita que fomentar o turismo é uma forma de gerar empregos de qualidade na região.

‘Prefeitura itinerante’ é aposta do prefeito regional de Ermelino Matarazzo

Ex-subprefeito de Cidade Tiradentes, Arthur Xavier passou a comandar os distritos de Ermelino Matarazzo e Ponte Rasa, na zona leste, há pouco mais de dois meses

Prefeito da V. Maria/ V. Guilherme quer trabalhar em parceria com a comunidade

Ele comanda uma equipe de menos de 200 pessoas para cuidar de três distritos: Vila Maria, Vila Guilherme e Vila Medeiros, onde vivem cerca de 300 mil habitantes

Roberto Marinho é o maior desafio de Santo Amaro, segundo prefeito regional

A via enfrenta problemas com a presença de usuários de drogas e moradores de rua, que migraram para o local com a construção do monotrilho no meio dela.

Prefeito regional quer levar mais dignidade aos moradores de Perus

Há um mês e meio ocupando a cadeira de “prefeito”, ele afirma ter realizado algumas ações preventivas de zeladoria para evitar alagamentos e transbordamento do Ribeirão Perus.

Novo subprefeito da Cidade Tiradentes poderá retirar única ciclovia do bairro

As principais justificativas de Oziel Souza são pouco uso de ciclistas, contrariedade de comerciantes e aumento do trânsito

“O imigrante tem as marcas das saudades”, diz conselheiro boliviano

Era tarde e uma forte chuva de verão caía sobre São Paulo, quando Samuel Dany Añez, 37, recebeu o 32xSP em seu local de trabalho para um bate-papo sobre imigração e sobre a própria trajetória de vida. Há oito anos, o boliviano reside na capital paulista e há três é conselheiro participativo do Jabaquara, na zona sul da cidade.

De São Paulo a Xalapa, no México, maestro encanta plateias com a sua arte

Era pouco antes das 9h quando o maestro Lanfranco Marcelletti Jr. chegou à Sala São Paulo, no centro da cidade. Sob o sol que já brilhava, desceu calmamente do carro e dirigiu-se a uma das entradas. De repente, ele sumiu. Na verdade, Lanfranco tinha ido para um lugar mais reservado, onde pudesse se concentrar. Precisava estudar as peças que ensaiaria ainda naquela manhã de sábado e apresentaria à noite para o grande público. Era a primeira vez que as batutas do recifense, de 52 anos, iriam reger uma orquestra na Sala São Paulo, considerada uma das melhores salas de concerto do mundo.